fbpx
Telefone: (54) 3232-2779 Telefone: (54) 9 9191-8004
Endereço: Rua Pinheiro Machado, nº 719 - Sala 502 - Sarasvati - Vacaria/RS - 95200-000

Meningite

O que é

A Meningite é uma doença altamente perigosa, por vezes letal, que causa uma inflamação nas meninges, as membranas que envolvem o sistema nervoso central, no cérebro, podendo provocar lesões mentais, motoras e auditivas.

 

Causas

As mais comuns são as infecções por bactérias, vírus ou fungos, inclusive, as meningites virais e bacterianas podem causar epidemias e surtos.

As virais podem ser transmitidas através da saliva (espirro, tosse, beijo) e pelas fezes.

 

Sintomas

Podendo atingir pessoas de todas as idades, a Meningite é mais comum em crianças e idosos devido a fragilidade do sistema imunológico.

A meningite viral tem como sintomas mais comuns a dor de cabeça, a fotofobia (sensibilidade à luz), a rigidez de nuca, as náuseas, vômitos, febre.

Já a meningite bacteriana pode provocar febre alta, dor de cabeça intensa e contínua, dor no pescoço, vômitos em jato, náuseas, rigidez de nuca (dificuldade em encostar o queixo no peito) e manchas vermelhas na pele, no caso da meningite meningocócica.

 

Tipos

Os tipos mais comuns da Meningite são a viral e a bacteriana, mas também podem ocorrer a fúngica, a medicamentosa, a carcinomatosa (causadas por um câncer) e a inflamatória (causada por doenças inflamatórias).

 

Tratamento

Os antibióticos revolucionaram o tratamento desta doença, que chegava a ter praticamente 100% de mortalidade antes de sua descoberta e o desenvolvimento do seu uso. Hoje a meningite bacteriana pode ser tratada através da aplicação de antibióticos intravenosos e remédios à base de cortisona.

Ainda assim o índice de mortalidade relacionada a meningite bacteriana ainda é muito alta, ficando na faixa de 15 a 20%, em muitos.

Quanto as meningites virais o tratamento muitas vezes é dispensável, pois a doença acaba desaparecendo sozinha em algumas semanas. Quando necessário são usados apenas alguns remédios para aliviar os sintomas, além de repouso e muita água.

Já a meningite fúngica pode ser tratada através de medicamentos fungicidas, mas que só são utilizados quando há a prova da infecção por fungos, em decorrência dos seus efeitos colaterais. O mesmo tratamento é dado para o diagnóstico de meningite crônica.

 

Prevenção

As formas tradicionais para evitar o contágio da meningite são: Evitar ambientes com grandes aglomerações de pessoas; ter muito cuidado com a higiene em casa, mantendo os ambientes limpos e arejados principalmente no inverno por causa dos resfriados.

Além, é claro, da vacinação que combatem o pneumococo, o meningococo e o hemófilus, imunizando o organismo contra a ação da meningite bacteriana, a pneumonia bacterêmica e a otite média aguda, causadas pelo pneumococo.

Para este combate existem as vacinas Pneumocócicas e as Meningocócicas.

Está em dúvida? Fale conosco

Seu nome:*

Seu e-mail:*

Seu telefone:

Serviço:

Sua mensagem: