fbpx
Telefone: (54) 3232-2779 Telefone: (54) 9 9191-8004
Endereço: Rua Pinheiro Machado, nº 719 - Sala 502 - Sarasvati - Vacaria/RS - 95200-000

Vacinação Ocupacional

A Vacinação Ocupacional tem como intuito complementar a prevenção de doenças, em relação a vacinação que pode não ter sido devidamente realizada pelo profissional antes de sua contratação pela empresa solicitante.

Infelizmente, de acordo com os Órgãos Internacionais, 76% das pessoas não concluem a lista de vacinas que deveria fazer e, dessas, apenas 7% recebe a informação adequada.

Por este motivo, veja aqui abaixo quais as vacinas que podem ser solicitadas de acordo com a Vacinação Ocupacional vigente:

Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola)

É considerado protegido o indivíduo que tenha recebido duas doses acima de 1 ano de idade, e com intervalo mínimo de um mês entre elas.

 

Hepatite A, Hepatite B ou Hepatite A e B

Hepatite A: duas doses, no esquema 0 – 6 meses.

Hepatite B: três doses, no esquema 0 -1 – 6 meses.

Hepatite A e B: três doses, no esquema 0 – 1 – 6 meses. A vacina combinada é uma opção e pode substituir a vacinação isolada das hepatites A e B.

 

HPV

Duas vacinas estão disponíveis no Brasil: HPV4, licenciada para ambos os sexos e HPV2, licenciada apenas para o sexo feminino.

 

Tríplice bacteriana acelular do tipo adulto (difteria, tétano e coqueluche) – dTpa ou dTpa-VIP Dupla adulto (difteria e tétano) – dT

Aplicar dTpa independente de intervalo prévio com dT ou TT.

Com esquema de vacinação básico completo: reforço com dTpa dez anos após a última dose.

Com esquema de vacinação básico incompleto: uma dose de dTpa a qualquer momento e completar a vacinação básica com uma ou duas doses de dT de forma a totalizar três doses de vacina contendo o componente tetânico.

Não vacinados e/ou histórico vacinal desconhecido: uma dose de dTpa e duas doses de dT no esquema 0 – 2 – 4 a 8 meses.

A dTpa pode ser substituída por dTpa-VIP ou dT, dependendo da disponibilidade.

 

Poliomielite inativada

Pessoas nunca vacinadas: uma dose. Na rede privada só existe combinada à dTpa.

 

Varicela (catapora)

Para suscetíveis: duas doses com intervalo de um a dois meses.

 

Influenza (gripe)

Dose única anual. Desde que disponível, a vacina influenza 4V é preferível à vacina influenza 3V, inclusive em gestantes, por conferir maior cobertura das cepas circulantes. Na impossibilidade de uso da vacina 4V, utilizar a vacina 3V.

 

Meningocócicas conjugadas (C ou ACWY)

Uma dose. A indicação da vacina, assim como a necessidade de reforços, dependerá da situação epidemiológica.

 

Meningocócica B

Duas doses com intervalo de um a dois meses. Considerar seu uso avaliando a situação epidemiológica.

 

Febre amarela

Uma dose para residentes ou viajantes para áreas com recomendação de vacinação (de acordo com classificação do MS). Pode ser recomendada também para atender a exigências sanitárias de determinadas viagens internacionais. Em ambos os casos, vacinar pelo menos dez dias antes da viagem.

 

Raiva

Para pré-exposição: três doses, 0 – 7 – 21 a 28 dias.

 

Febre tifoide

Dose única. No caso de o risco de infecção permanecer ou retornar, está indicada outra dose após três anos.

Está em dúvida? Fale conosco

Seu nome:*

Seu e-mail:*

Seu telefone:

Serviço:

Sua mensagem: