Telefone: (54) 3232-2779 Telefone: (54) 9 9191-8004
Endereço: Rua Pinheiro Machado, nº 719 - Sala 502 - Sarasvati - Vacaria/RS - 95200-000

HPV (Papilomavírus humano)

O que é

O HPV ou papilomavírus humano faz parte de uma família de mais de 150 tipos vírus que infectam exclusivamente a pele e mucosas dos seres humanos. Ele é um pequeno vírus que infecta a pele e as mucosas, mucosas estão nas partes internas que temos por exemplo parte de dentro da vagina, do ânus, dentro da boca.

O HPV se multiplica no interior das nossas células, especificamente no núcleo das nossas células.

 

Causas

A principal forma de transmissão do HPV é por meio da relação sexual, seja ela genital, anal ou oral. Por isso, a maneira mais eficaz de se evitar a infecção é a abstenção do contato sexual com outra pessoa infectada. O uso correto e consistente de preservativos diminui as chances de contaminação, mas ainda assim, não garante que o contágio não vá acontecer.

 

Sintomas

A infecção por HPV pode passar despercebida, sem sintomas, tanto em homens como em mulheres, a menos que o vírus da infecção seja do tipo que causa verrugas. Nesse caso, surgem algumas protuberâncias na região genital. Muitas vezes essas verrugas desaparecem naturalmente, assim como na maioria das vezes o nosso sistema imunológico dá conta de se livrar do vírus.

 

Tratamento

Atualmente não existem medicamentos capazes de eliminar a infecção pelo HPV.

O tratamento dependerá do tipo de lesão e, no caso do câncer, da extensão da doença. Remover as verrugas genitais manualmente nem sempre elimina o HPV e as lesões podem reaparecer.

No caso do aparecimento dos sintomas, procure um médico para garantir um diagnóstico correto. O profissional responsável poder fazer a aplicação de substâncias como podofilina e ácido tricloroacético, que são capazes de destruir as verrugas genitais externas. Contudo, dependendo do tamanho, localização e quantidade das lesões outras opções terapêuticas podem ser necessárias. São elas: Crioterapia (lesão por congelamento utilizando-se nitrogênio líquido); eletrocauterização (lesão por corrente elétrica); laser (lesão por calor).

 

Prevenção

A Vacina HPV Bivalente 16 e 18 e a Vacina HPV Quadrivalente 6,11,16 e 18 protegem o organismo de forma eficaz.

Entretanto, para se prevenir da infecção por HPV faça o uso de preservativo nas relações sexuais. Outras medidas que também auxiliam na prevenção é evitar ter muitos parceiros sexuais, manter boa higiene pessoal e fazer regularmente o exame Papanicolau, no caso das mulheres.

Está em dúvida? Fale conosco

Seu nome:*

Seu e-mail:*

Seu telefone:

Serviço:

Sua mensagem: